Growth Hacking na prática: entendendo tudo sobre a execução

Entenda como aplicar o growth hacking na sua empresa em 4 passos simples, agregando valor aos seus processos e trazendo resultados imediatos!

 

O growth hacking já não é mais uma palavra da moda, mas uma prática muito bem aceita e amplamente utilizada pelas empresas que buscam crescer rapidamente.

Recentemente, escrevemos sobre a aplicação do growth hacking na empresa, explicando um pouco mais sobre o conceito e os benefícios.

No entanto, falta algo, certo? É neste conteúdo que vamos completar o ciclo, ensinando como aplicar o growth hacking na prática, seguindo 4 passos bem simples. Vamos lá?

O growth hacking em 4 etapas

É possível otimizar o processo do growth hacking em 4 passos: análise e compreensão, idealização, priorização e avaliação e, por fim, criação.

Dependendo da fonte, pode-se dizer que o processo é feito em 5 ou 6 passos, mas 4 deles são necessários em nossa própria metodologia.

Ao aplicá-los, o objetivo é experimentar uma sequência de pequenos sucessos e fracassos, com o foco na expansão rápida e eficiente, aprendendo com os erros e desperdiçando o mínimo de recursos possível.

Ao passar repetidamente por essas 4 etapas, o objetivo final é transformar sua operação em uma máquina de vendas e crescimento, focada em resultados e melhoria contínua.

Que tal conhecer os passos?

1# Análise e compreensão

O primeiro passo é entender e definir o que crescimento significa para sua empresa.

Ao compreender a meta principal, é preciso então dividi-la em metas alcançáveis e menores. O pensamento é simples: você não vai simplesmente dobrar sua receita ou reduzir os custos em 20% sem antes atingir outros micro-objetivos.

A etapa de análise e compreensão serve justamente para entender o que a empresa busca e transformar esse grande objetivo em uma meta específica, mensurável, alcançável, realista e baseada em tempo.

Para isso, é feito um mergulho nos dados do negócio, para então definir uma estratégia de crescimento baseada em uma métrica de sucesso (conhecido também como “North Star”).

2# Idealização

O segundo passo é onde você e seu time realizam um brainstorming para responder a algumas perguntas. O objetivo aqui é gerar ideias para resolver o seu problema.

Existem múltiplas formas de conduzir essa etapa, seja com entrevistas, pesquisas e reuniões entre os envolvidos para discutir ideias de experimentos.

Com isso, é possível encontrar as brechas para aplicar os “hacks”. Ou seja, qual pequena mudança podemos fazer para alcançar resultados X ou Y?

Uma boa forma de realizar esse passo é através da definição de uma hipótese antes de executar qualquer teste de crescimento.

Uma boa hipótese deve incluir sua situação atual, as mudanças propostas e o resultado esperado, como, por exemplo:

  • Porque nós vimos (através de dados);
  • Esperamos que (X mudança) cause (Y impacto);
  • E vamos medir isso usando (uma métrica predefinida).

3# Priorização

Com os experimentos definidos e a hipótese pronta, você terá de colocá-las em ação, medir seu sucesso e descobrir o que funciona e o que não funciona.

Nesse ponto, tudo pode acontecer: diferentes níveis de sucesso e de fracasso.

4# Avaliação e criação

Por fim, você irá avaliar os dados e os resultados dos experimentos realizados.

A missão é buscar dados e insights que podem ser usados para otimizar experimentos futuros, bem como para entender as falhas e identificar oportunidades de melhoria.

Porém, nesse processo, o principal objetivo é encontrar alguma ideia que se destaque e possa ser amplamente implementada — dessa vez, não como um teste, mas de forma real e escalada, buscando resultados rápidos e eficientes.

Os passos são cíclicos, então após um sucesso, o time volta sua atenção para outra meta e recomeça o processo.

 

E você, gostou de aprender como aplicar o growth hacking na sua empresa? Esse é um método extremamente eficiente e capaz não apenas de trazer resultados concretos, mas também de transformar a cultura da sua empresa.

 

Que tal experimentar no seu negócio?

A Pipehline é uma empresa especialista em marketing, vendas e métodos de crescimento, como o growth hacking.

Nossa consultoria pode ajudar a revolucionar seu negócio, transformando-o em uma máquina de vendas — enxuta, otimizada, com operação altamente escalável.

Marque uma reunião conosco e entenda como a Pipehline pode ajudar seu negócio!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

E-book Erupção de Vendas - Gratuito!